Como a água de coco se forma?

14:00 | da Redação

Ela surge durante a formação da semente do coqueiro. Ali dentro dela, o embrião - estrutura que dará origem a uma nova planta - nasce da união de uma célula sexual (gameta) feminina com outra masculina. Quando isso acontece, uma célula do óvulo com dois núcleos é fecundada e dessa segunda união é que se forma a água de coco, com a função de servir como reserva de alimento para o embrião. "Trata-se de uma característica que apareceu com as angiospermas, como são chamadas as plantas com flores. Elas só produzem tecidos de nutrição se houver um embrião, evitando desperdício", afirma a bióloga Nanuza Luiza de Menezes, da USP. Enquanto o coco começa a desenvolver suas várias camadas, como uma grande embalagem para a semente, a substância que servirá de alimento para o embrião se divide milhares de vezes. "Mas apenas o núcleo da célula se divide e não ela inteira.

Por isso, nessa fase, o tecido nutritivo ainda é líquido e não sólido, como em outros vegetais", diz o engenheiro agrônomo Luiz Antonio Junqueira Teixeira, do Instituto Agronômico de Campinas (IAC). Quando essas divisões terminam, os núcleos se depositam nas paredes internas do coco. A partir daí, com o crescimento das paredes celulares e do "recheio" das células, a água aos poucos se transforma em um alimento sólido, criando aquela parte branca e carnosa de onde se extrai o coco ralado.

Fonte: Mundo Estranho

0 comentários:

Postar um comentário