Por que os pássaros não caem dos galhos quando eles dormem?


Todo mundo precisa dormir. Você provavelmente tem uma boa cama ou mesmo um sofá à disposição para poder descansar todas as noites de forma confortável. Alguns animais selvagens têm seus “cafofos” feitos com folhas ou mesmo conseguem dar os seus cochilos em um canto agradável para se aconchegarem sem correr o risco de se acidentar durante o sono.

Mas e os pássaros? Como eles conseguem dormir quietinhos empoleirados em galhos sem cair? Segundo o Today I Found Out, esses animais têm algumas características interessantes que fazem com que eles consigam esse feito, começando pelas suas patinhas.

Elas têm quatro dedos e tendões que são conectados aos músculos flexores na perna e capazes de travar, permitindo uma forma segura de ficarem agarrados nos galhos. Dessa maneira, os dedinhos dos pássaros ficam bem firmes nos galhos apenas pela ação dos tendões. Assim, os músculos podem até relaxar enquanto as aves dão aquela boa descansada.

Os dedos das patas ficam posicionados de forma que três deles agarram o galho pela frente e outro maior que agarra por trás. Esse último é chamado hálux. Isso resulta em uma firmeza confiável que dura enquanto eles dormem. Mas não é só isso que mantém os passarinhos nos galhos durante o sono.

Elas também têm uma adaptação cerebral para dormir com segurança: é o chamado descanso cerebral unilateral, que faz com que, mesmo dormindo, o animal se mantenha alerta com um dos lados do cérebro, enquanto o outro lado dorme. O interessante é que, por essa adaptação, muitas aves dormem até com um olho aberto e outro fechado, o que ajuda na hora de escapar de predadores.

Fonte: Today I Found Out

Nenhum comentário:

Postar um comentário