Qual a origem das faixas coloridas das artes marciais?


A história das faixas coloridas está diretamente ligada à criação do Judô, que aconteceu na segunda metade do século 19. Jigoro Kano, o sábio e renomado professor, criador do Judô, é apontado como o responsável pela mudança nos trajes e introdução das faixas nas artes marciais. Antes de Kano, a veste para se praticar artes marciais consistia em um quimono de peça única, longo e preso por um cinto mais largo.

Jigoro Kano possuía somente 1,57 metro e 40 quilos, características que o fizeram procurar a arte do jujútsu, ou Jiu-Jitsu, para ganhar força. Após estudar bastante o jujútsu, o professor criou o Judô, por volta de 1880. Logo que iniciou o ensino de sua arte, Jigoro começou a premiar os estudantes com o posto de “Shodan”, que equivale ao primeiro nível da faixa preta atual. Antes da adoção deste tipo de classificação, os praticantes de artes marciais mais experientes recebiam certificados que indicavam as suas habilidades.

Jigoro Kano

O uniforme atual para a prática de Judô foi introduzido à arte por Jigoro Kano em 1907, quando o quimono passou a ser em duas peças, uma calça e uma bata largas, além da faixa mais fina com a cor que representa o nível de proficiência na arte. O quimono, ou o judogi, branco representa a pureza e a simplicidade do praticante.

As faixas, inicialmente, possuíam apenas duas cores. Uma delas, a branca, significava que o iniciante era “vazio”, sem conhecimentos prévios do Judô, ou com pouco conteúdo adquirido. A outra cor era preta, que representa exatamente o contrário da cor branca, ou seja, o praticante já possui conhecimento considerável. Depois disso, pouco antes de sua morte, Jigoro criou a faixa preta com marcações vermelha ou branca. A cor vermelha, por sua vez, demonstra a luta e o desejo de aprender.

Mais a frente, em 1935, o mestre judoca Mikonosuke Kawaishi, quando lecionava em Paris, desenvolveu outras cores de faixas com o intuito de motivar seus alunos a alcançarem objetivos maiores. Não demorou até que líderes de outras modalidades, como caratê e Tae Kwon Do, passassem a adotar o mesmo sistema de classificação.

Fonte: Today I Found Out

Nenhum comentário:

Postar um comentário