Descobriram (e divulgaram) a fórmula do hambúrguer perfeito


Você prefere um hambúrguer com mais molho ou com mais carne? Para acabar com todas as dúvidas e discussões, o cientista de alimentos Stu Farrimond descobriu a fórmula do hambúrguer perfeito. Mas fique tranquilo: não precisa dar uma de Plankton  e tentar roubar a receita. A equação não é secreta, mas é um tanto complicada: 4x=13,5L+ 6.o t+ 8.8 c + 21.0 K. Se você é de humanas e não entendeu muito bem, a gente explica. Na hora de fazer um lanche é só substituir as letras pela massa dos ingredientes: o x é a carne crua, o t é a massa do tomate, o c é a quantidade de queijo necessária, o L representa o alface e K os molhos.

De acordo com o Daily Mail, o dr. Farrimond descobriu que o quarteirão perfeito precisa ter uma porção de 12 gramas de alface, duas fatias de tomate (pesando 12 gramas cada) uma fatia de queijo de 23 gramas, e 5,5 gramas de ketchup. Lembrando que o ketchup deve ser espalhado de forma equilibrada pelo hambúrguer, e os tomates –  para não escaparem como sempre acontece – devem ser colocados longe da aresta do pão.

Até na hora de fritar a carne é preciso prestar atenção.  O hambúrguer deve ser preparado em uma grade de 150 ° C a 180° C para o sabor ficar no ponto. Infelizmente, tamanho não é documento e a carne de hambúrguer ideal deve ter 1,5 cm de espessura.

Na pesquisa, 71 % das pessoas escolheram alface como cobertura, enquanto apenas 28% escolheram picles. O estudo foi feito para o lançamento dos hambúrgueres artesanais da hamburgueria Morissons.


Fonte: Daily Mail

Nenhum comentário:

Postar um comentário