Por que alguns puns são mais fedidos do que outros?


Afinal, o seu peido é daqueles que mata a savana depois da refeição ou é uma bufa com odor das flores da primavera? Cientistas calculam que toda pessoa solta de 10 a 20 gases por dia!

Entretanto, nem todas essas flatulências são malcheirosas. O doutor Myron Brand, especialista no assunto, explica que tudo depende da sua dieta. “O mau cheiro significa apenas que os carboidratos que você consome estão sendo mal absorvidos, ou seja, eles são fermentados”, explica.

Enxofre: o pior inimigo

Alimentos como batatas e pão são alguns dos que mais produzem gases, já que são feitos de carboidratos que se dissolvem em hidrogênio e dióxido de carbono. Agora, quando as bactérias do seu intestino “quebram” os alimentos em sulfureto de hidrogênio, pode esperar que seu vento natural seja menos aprazível para as pessoas ao redor – isso acontece muito com alimentos como o brócolis e o repolho.


O enxofre é outro componente químico presente nos puns fedidos. Quanto maior o acúmulo disso dentro de si, maior a chance de ele sair fedido. As primeiras reações químicas em seu intestino produzem gases inodoros; porém, ao se misturarem com o enxofre a coisa pega – é aí que surge o sulfureto de hidrogênio, por exemplo.

E para você acumular enxofre dentro de si, basta se alimentar de produtos como os já citados brócolis e repolho, além de ovos, cebola e carne. Portanto, se você comer muito disso algum dia e sentir a necessidade de dar aquela esvaziada, tente fazer isso em um lugar aberto e a favor do vento. Nossos narizes agradecem.

Fonte: mental_floss

Nenhum comentário:

Postar um comentário